Ministro da Agricultura garante que maçã da China não entrará no Brasil

Ministro da Agricultura garante que maçã da China não entrará no Brasil

Publicado por Assessoria Deputado Federal Valdir Colatto em 04/07/2016
 
Seguro safra 2014/2015 também será pago, disse Blairo Maggi ao deputado Colatto
 

Brasília, 4/7/2016 – O deputado federal Valdir Colatto (PMDB/SC)
esteve em audiência, no dia 22 de junho, com o ministro da Agricultura,
Blairo Maggi, para discutir soluções para os problemas enfrentados no
setor produtivo da Maçã. O deputado federal Luis Carlos Heinze (PP/RS); a
senadora Ana Amélia Lemos (PP/RS) e o diretor executivo da Associação
Brasileira de Produtores de Maçã (ABPM), Moisés Lopes de Albuquerque,
também participaram da reunião. Em destaque, o ministro garantiu que a
maçã chinesa não entrará no Brasil e que pagará o seguro da safra
2014/2015.
Colatto afirmou que essas medidas estimulam o investimento e,
consequentemente, aumentam a oferta de empregos no setor. “O ministro tem
se colocado à disposição para ouvir os produtores, isso gera confiança
para todos e faz com que o segmento se desenvolva”.
O diretor executivo da ABPM, Moisés Lopes de Albuquerque, aproveitou a
oportunidade para convidar o ministro Maggi para uma visita à região
produtora de maçãs e também apresentar o Centro de Controle Biológico
Moscasul. “Pesquisas estão sendo realizadas para erradicar a
Anasthepha fraterculus (praga da maçã), que tende a ser mais um case de
sucesso no Brasil e referência para o mundo”, disse.
Números da Maçã
O Brasil possui 4321 produtores de maçãs que cultivam 36 mil hectares
da fruta. É produzido cerca de 1,27 milhões de toneladas, o que coloca
entre o setor entre os 12 maiores produtores do mundo. Os investimentos
dos pomicultores brasileiros, desconsiderada a terra, estão na ordem de
R$ 4,2 bilhões. A cadeira produtiva da maçã proporciona anualmente ao
país R$ 6 bilhões em riquezas. São gerados mais de 58 mil empregos diretos e
outros 136 mil indiretos.
Segundo o IBGE, Santa Catarina é o maior produtor de maçã do país, responde por 49%
da produção nacional. No Estado, estão 75% dos produtores brasileiros da
fruta, só em São Joaquim são mais de 1,8 mil agricultores que tem como
principal fonte de renda a maçã.


← Voltar
Sem comentários