Em troca de maçã, fumantes entregam cigarros em USF de Campo Grande

Em troca de maçã, fumantes entregam cigarros em USF de Campo Grande

Iniciativa da unidade de saúde é fazer com que os pacientes abandonem o tabagismo.

Em Campo Grande, uma iniciativa na Unidade de Saúde da Família (USF) do Bairro Alves Pereira chamou a atenção de quem passava pelo local. Os profissionais da unidade propuseram um ato para ajudar quem precisa largar do vício do tabaco. A ideia foi trocar o cigarro pela maçã.

“Nós estávamos pensando em uma ação para fazer neste mês em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Fumo e então surgiu esta ideia e todos ficaram muito animados. A iniciativa tem a participação de todos os servidores da unidade”, contou a enfermeira Pamela Ribeiro.

Segundo a profissional, idealizadora da proposta, os servidores estão bem engajados com a ideia. Até o momento, 15 cigarros já foram coletados na ação, que segue durante o mês de agosto. No dia 24, está programado o “Dia D” na unidade, com a participação de profissionais do NASF (Núcleo de Apoio à Saúde da Família).

A prefeitura informa que, atualmente, a USF não conta com grupo de tabagismo, mas todos os pacientes são acolhidos e orientados de maneira individual. Os profissionais devem passar ainda por capacitação para que seja possível iniciar as atividades.

Tratamento contra o Tabagismo

A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) oferece tratamento para pacientes que desejam largar o vício da nicotina, por meio de acompanhamento com equipe multidisciplinar de profissionais de saúde, como médicos, enfermeiros, nutricionistas, psicólogos, farmacêuticos e outros.

O dependente pode procurar a unidade básica de saúde mais próxima da residência e ele será encaminhado para tratamento. De início, o paciente passa por uma avaliação para considerar se ele é um fumante leve, moderado ou pesado.

Em razão da pandemia de Covid-19, o atendimento ocorre de maneira individualizada em 17 unidades de saúde da Atenção Primária e no CEM (Centro de Especialidades Médicas), por meio de encaminhamento. O tratamento pode durar até 1 ano.

Fonte:https://midiamax.uol.com.br/cotidiano/2021/em-troca-de-maca-fumantes-entregam-cigarros-em-usf-de-campo-grande



← Voltar
Sem comentários

Comente