Sidra de Maçã

Sidra de Maçã

Trecho da reportagem: Quero que você me aqueça nesse inverno do Jornal Expresso de Portugal
“A sidra é outra opção reconfortante para dias frios. Este néctar que tem
a maçã por base não é tão difícil de fazer como se possa pensar. Com
baixo teor alcoólico (5% a 7%), pode ser consumida quente ou fria. Muito
antiga na sua origem — há quem a situe na civilização egípcia (3000
a.C.), embora os celtas, em 800 a.C. sejam os prováveis responsáveis da
expansão da sidra pela Europa —, a bebida continua a ser especialmente
popular na França, na Bélgica, no Reino Unido, nos EUA e na Alemanha, e
claro, em Espanha, onde beneficia de uma denominação de origem na região
das Astúrias, reconhecida pela União Europeia”
Se quiser fazer um garrafão de sidra para o inverno, conte com cinco
quilos de maçãs de diversas variedades (mais doces ou mais ácidas), um
pacote de levedura e um recipiente de vidro grande com uma tampa. Lave
bem as maçãs, corte-as em pedaços e coloque no processador até obter um
purê da fruta. Com a ajuda de uma peneira, separe polpa e suco e fique
apenas com este último. Adicione-lhe um pacote de fermento e coloque num
frasco com tampa.
Feche, agite por 10 segundos, e deixe
descansar durante a noite. Quando vir bolhas de gás dentro do frasco,
retire a pressão, desenroscando a tampa e fechando-a novamente. Depois,
leve ao fogo brando cerca de uma hora, para matar qualquer bactéria.
Não deixe ferver. Acrescente-lhe um quilo de açúcar mascavo e verta
para um recipiente esterilizado até encher. Deixe esfriar e
adicione a levedura. Coloque a tampa (também esterilizada), e guarde num local frio e escuro, como a despensa. Ao fim de uns dias, a bebida vai
começar a borbulhar. Dê-lhe uma semana para a levedura assentar e… já
tem, tal qual o povo celta, a sua porção de sidra para o inverno.
Sabia que os
Presidentes norte-americanos George Washington, John Adams e Thomas
Jefferson eram consumidores habituais deste néctar?


← Voltar
Sem comentários

Comentários encerrados